Alho

Alho – Antibiótico natural

Alho não é apenas um tempero com sabor irresistível ou um alimento nutritivo. Ele é também um antibiótico natural e medicamento que está à disposição de todos.


Este condimento não pode faltar na cozinha, cozinhar sem este tempero é cozinhar sem sabor.

Alho

Benefícios do alho

Nutritivo com baixas calorias

Fonte de Vitaminas B1, B6, A, C, E, selênio, manganês, fósforo, potássio, magnésio, ferro, cálcio, cobre, fibras e proteinas.

Antibiótico natural

Quando consumido cru possui propriedades anti-inflamatórias e combate infecções.  Inibe o crescimento de bactérias causadoras de diarreias, cólicas, sinusites, asma e faringite.

Trabalhei numa fábrica de medicamentos de uso veterinário. Lá era produzido um composto de alho que era vendido para granjas produtoras de aves (frangos). Este composto é misturado a ração dos animais para combater infecções.

Confiram no Jornal Unicamp

Aumenta a imunidade

Quando o sistema imunológico está baixo o organismo perde a capacidade de combater os ataques de vírus e bactérias geradores de doenças. O uso diário desta planta aumenta a imunidade do corpo e ajuda prevenir gripes e resfriados.

Para quem já está gripado ou resfriado ele ajuda combater vírus e bactérias acelerando o processo de cura. Se você fica gripado com frequência passe a usar alho cru nas refeições para aumentar sua imunidade.

A Vitamina C deste alimento atua como antioxidante e combate os radicais livres. Fortalece o aparelho digestivo trazendo saúde ao corpo, em decorrência disto você terá mais disposição para trabalhar ou divertir. Retarda o envelhecimento precoce.

Diminui pressão arterial

Esta planta possui uma substância chamada alicina que age na dilatação dos vasos sanguíneos, diminui o colesterol LDL (ruim), diminui as triglicérides. Com o sangue correndo nas veias dilatadas o resultado é o controle da pressão arterial. Quem tem problemas com pressão alta deve consumir diariamente este condimento.

Também atua na prevenção de tromboses, uma vez que melhora e facilita a circulação do sangue. O alho comprovadamente baixa a pressão arterial, por isto, quem tem problemas com pressão baixa precisa tomar cuidado com o uso deste condimento.

Confira o depoimento no vídeo

Água com alho – Perigos

Existem muitas orientações, principalmente, na internet em sites e no youtube. Ensinando fazer receitas de água com alho e tomar em jejum para limpar o sangue e desintoxicar o organismo. Encontrei uma destas receitas numa revista de curas através das plantas e decidi colocar em prática.

A receita era a seguinte: Coloque cinco dentes de alho dentro de um copo com água, deixe curtir durante a noite e tome a água de manhã em jejum. Fiz exatamente como mandava a receita e de manhã tomei a água e sai para trabalhar.

Poucas horas depois enquanto trabalhava meus olhos começaram a escurecer até que não enxergava mais nada na frente. Meus dedos enrolaram e ficaram duros. O desfecho disto é que desmaiei e me levaram as pressas para o hospital.

Minha pressão baixou tanto que quase morri. O médico ainda ironizou: “Você passou pelo vale da sombra da morte rapaz, tem sorte em voltar para casa vivo”.

Quando retornei para casa fui olhar novamente na “bendita” revista para ver se tinha alguma alerta ou contra indicação sobre o uso da água com alho. Não tinha! A irresponsabilidade deles quase me matou.

Aprendi a lição, não parei de consumir alho, mas, a água em jejum nunca mais.

Considerações finais

Para uso medicinal procure consumir o alho cru. Frito ou aquecido perde parte dos nutrientes.

O alho desintoxica e limpa o organismo

Ajuda combater o colesterol ruim

Reduz o risco de câncer

Ajuda desinflamar o organismo

Diminui a pressão arterial

Previne contra Trombose

Aumenta o sistema imunológico

Previne gripes e resfriados

Cuidados:

Não consuma em excesso, moderação e equilíbrio é a forma inteligente para consumir qualquer coisa.

Se tiver pressão baixa não tome água de alho em jejum.

Qualquer dúvida consulte o seu médico

Vejam também:

Benefícios do Limão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: